POESIA BIBLICA



   NOTAS DE EXPERIENCIAS COM POESIAS DO POETA      MAURICIO BERWALD, DE SANTA CATARINA.ARTIGO                        ESCRITO POR MAURICIO BERWALD.

                   MENSSAGEM PARA OS ESCRITOR:

     CONTATO ENVIAR MENSSAGENS   [ CONTATOS ]

  BLOG DE MAURICIO BERWALD, ESCOLA DOMINICAL

WWW.MAURICIOBERWALDOFICIAL.BLOGSPOT.COM


                       

         Mauricio Berwald, é autor de mais de 115 poesias.
Não podemos esquecer que as poesias é um meio de comunicar as verdades da palavra do Senhor. Há uma porcentagem de séculos, também cristão que também apareciam a poesia cristã, os trechos poéticos ou poemas ilustra, enriquece nosso entendimento da bíblia sagrada nos seus temas variados. Deve haver entre os cristãos do Brasil e outros países uma maior conscientização sobre o valor da poesia cristã bíblica literária. Produzida por poetas, escritores cristãos. Há poetas escritores sem serem reconhecidos por alguns lideres por motivo de terem conceitos e opiniões erradas e muitos que escrevem poesia cristã, não são reconhecidos por não terem espaço e oportunidades de recitá-los na igreja, na radio, no jornal, no boletim, no site da igreja ou no mural de avisos, ou até mesmo nas festas da igreja local, ou nas sedes.


As poesias devem ser colocadas nas programações das festas para serem recitadas durante o culto das igrejas em época de festividades de acordo com o tema da festividade. Os poetas cristãos podem recitá-las adaptadas em forma de varias vozes no radio, revista, no jornal, no mural da igreja, nos cultos de uma evangelização, etc.

É útil a poesia cristã para edificar, ilustrar, mas também a poesia deve servir para evangelizar. Quando lida, recitada, publicada no jornal, revista, igreja ou boletim, etc. os hinos tem sua mensagem musical bíblica, a poesia tem também um propósito variado, sendo bem utilizada com criatividade em varias situações BA obra do senhor nos ambientes cristãos.

Os judeus são simpatizantes das poesias bíblicas do antigo testamento. Mas na verdade a poesia bíblica faz parte da cultura do povo judeu, nas escolas de rabinos, universidades, na vida do dia a dia. As crianças desde sedo, tendo cinco anos já vão aprender na sinagoga. Eles aprendem nas aulas sobre poesia nos livros poéticos do antigo testamento. Exemplo, Jô, Salmos, Provérbios, aprendem de modo que faz parte da vida diária, no decorrer da história dos judeus, no período medieval também houve poetas judeus que escreveram poesias, para serem recitadas e cantadas. Temos por exemplo o rabino IBN EZRA, que foi um estudioso e pesquisador na linguagem hebraica. IBN EZRA escreveu 2.000 obras variadas, seus poemas litúrgicos estiveram presentes cantados por eles nas sinagogas. Escreveu temas sagrados e seculares. IBN EZRA marcou o fim do período clássico da poesia secular judaica e sua transição a um novo período na literatura hebraica. O objetivo primordial dos poetas judeus é exaltar a grandeza do criador, a natureza desse tipo de poesia, era muito mais didática e era recitada em coro nas reuniões sociais e nas sinagogas.

As meditações vocacionais em versos dos extraordinários poetas judeus do período medieval, ainda conservam o brilho e em vários pontos. Equipam-se a melhor poesia nos salmos hebraicos. Seus hinos para orações nas sinagogas são famosas até hoje de IBN EZRA. Uma vez organizados o culto coletivo adquiram grande importância, os hinos, poesias, liturgias (Pitytim...), caracterizados pela exuberância que seriam cultivados por todos os judeus nos dias fora da Europa Ocidental, na Espanha (no período medieval).

Entendemos que a poesia faz parte da cultura judaica, no dia a dia, na sinagoga, nos cultos, nas festas judaicas e entre os judeus seculares. Precisamos também como cristãos deixar de desprezar as poesias, não significa que todos desprezam, mas têm sim uma porcentagem de pessoas, editoras que desprezam a literatura poética cristã. A poesia cristã deve fazer parte da nossa vida diária também não só os hinos, você deve comprar livros dos poetas cristãos, também para que haja um equilíbrio; os judeus ouvem hinos judaicos mais também compram livros de poesia judaica. Vamos fazer o mesmo, pois você vai enriquecer sua cultura de cristão lendo livros de poesia cristã.

Tem pessoas que só compram CDs, porque não aprenderam a ler mensagem poética cristã deve também fazer parte normalmente da vida cristã, ou seja, os evangélicos devem adquirir livros de poesias, principalmente quem já esta exercendo a chamada no louvor, cântico, instrumental, ou é maestro de musica sacra, o resultado em ler poesias cristãs é que vai ter uma melhora na formação cultural, pois com uma certa porcentagem te ajudara também na parte de conhecimento bíblico.

Interessante ressaltar uma frase de Mario B. França, que pois publicado em um encarte de uma revista da C.P.A.D. no ano de 1982 que diz, “recomendo aos apreciadores de poesia evangélica a prestigiarem o esforço artístico lendo, e divulgando à obra poética, pedindo á Deus que os mantenha fiel a sua palavra e ao seu ideal, exaltando-o com entusiasmo á fé na palavra, na doce harmonia dos seus versos.”


Entendemos que tem pessoas que precisam valorizar o gênero literário (livros de poesias cristãs, dos poetas evangélicos) são obras publicadas, pois quem escreve poesias genuinamente bíblica tem um espaço na obra de Deus, chamado para um propósito especifico. Como disse anteriormente (ainda existem os que não apreciam e não valorizam), os que escrevem poesia cristã, a poeta genuinamente cristão, está enriquecendo e contribuindo para o crescimento da cultura bíblica, isso não pode ser esquecido nunca.

Os seculares reconhecem que a poesia em um bom recurso para aumentar o universo cultural das crianças, mas também dos adultos, enfim aumentará a cultura bíblica. Também use os recursos dos livros de poesias cristã, reconheço os poetas evangélicos que escrevem, recitam mensagens baseados na bíblia. Deus os escolheu servos para escrever mensagens poéticas para edificação.

Esse artigo escrito com um propósito de conscientização cristã de valorizar as obras de literatura poética que são editados pelas editoras, não com propósito materialista, mas com propósito de despertar a muitos a respeito da realidade verdadeira. A pessoas que só compram materiais em áudio, quando devem na verdade adquirir livros de poesias, e não somente CDs. Está na hora de haver um pouco de equilíbrio, de entender, de aceitar que poesias são recursos didáticos aos que tem chamadas para musica sacra, os escritores de literatura cristã, etc., citam trechos de poesias como ferramenta teológica doutrinaria para quem não sabia é algo novo, pois já tive oportunidade de ver vários livros, dezenas de livros com trechos de poesias, e outras obras teológicas com poesias inteiras, que enriquece o entendimento dos assuntos e ajudam na qualidade literária também.

A frase já diz: “Poesia Bíblica”, nada tem haver com as poesias profanas de certas literaturas seculares. Se há poesia secular, há poesias cristãs escrita por cristãos, presentes também nas letras de hinos evangélicos também. O reformador protestante Calvino escreveu poesias. Calvino foi profundo estudioso dos livros poéticos da bíblia, era apreciador da poesia, ele sabia bem que Davi foi o poeta mais prolifero da bíblia. As literaturas poéticas da bíblia alem de Jó, Salmos, Provérbios, Eclesiastes e Cântico dos Cânticos, têm versos inspirados em Êxodo, Deuteronômio, lamentações, os registros de poesias nesses livros, por inspiração divina do céu, elevam, confortam e exaltam o nome de Deus, santificam o homem, pois palavra de Deus cantada são poemas sacros. Poesia bíblica não é só o que está nos livros poéticos. Poesia bíblica vem a ser a soma de todos os versos cantados na bíblia, tanto no antigo testamento, como no novo testamento.

Percebemos que a própria bíblia contêm os livros chamados “poéticos” e então há também poetas cristãos que escrevem poesias com base na bíblia sagrada. Chamamos por Deus e muitas poesias continuam a serem utilizadas por meio dos compositores. Um compositor também é denominado de poeta. Os hinos no geral são poesias e também poemas. Existem os que escrevem hinos e são gravados pelos cantores, contem poesias, e existem os que escrevem poesias para serem publicadas em vários livros. E a casos que as poesias publicadas em livros com o tempo, certas poesias são musicalizadas, isso aconteceu muito no período, por exemplo, na musica barroca cristã. Também nos dias de hoje, poesias de livros são musicalizadas mediante uma autorização do poeta cristão, pois tem direitos autorais também nas poesias que escreveu, pois é um gênero literário específico que pode ser utilizado as poesias de modo criativo para gloria de Deus.

Comentei anteriormente a respeitos das composições, onde tive que separar por estilo literário, agora vou comentar a respeito das poesias.

Minhas primeiras poesias foram nos primeiros anos, elas são poesias métricas de varias estrofes, temas abordados escritos com profundeza de característica didática também totalizando dezenas poesias organizadas em livros, cada livro com 25 poesias, são diversos temas que comunicam também as doutrinas fundamentais do cristianismo, defendendo diretamente a bíblia que é nossa regra de fé, combatendo, por exemplo, a inversão de valores, da injustiça também. Como diz S.M. Horton “a poesia também foi dotada como meio de comunicação para se compartilhar as verdades espirituais”. A poesia comunica nos livros as verdades da fé cristã, quando são escritas pentecostais e por autores da reforma protestante conservadores, a poesia influenciou na doutrina no avivamento no inicio do século XX, conforme afirma a S.M. Horton discorrendo sobre a história do avivamento. Entre os poetas mais conhecidos achavam-se Alice Flow, Jona W. Folle. Já no inicio, havia poetas entre os pentecostais, as poesias foram editadas em jornais, revistas, livros, até mesmo em folhetos, assim as composições comunicam as doutrinas sendo cantadas nas igrejas, também na poesia, eram publicadas já no inicio do século XX. Os hinos cantados contem poesias, mas as poesias que me refiro aqui são poesias para serem lidas e editadas em livros, poesias estas que muitos escritores de livros cristãos citam em suas obras, principalmente na Europa e E.U.A., estes trechos de poesias citados nas literaturas de autores cristãos em vários séculos também no XX e XXI, enriquece também a obra de autores cristãos que citam pequenos trechos nos capítulos de seus livros, e outros porem citam poesias inteiras, pois estas comunicam verdades teológicas, verdades bíblicas.

Há pessoas que não gostam de livros de poesias cristã, em especial no Brasil, por isso é difícil de ver livros específicos de poesias editado por editoras. Mas é a falta de ter um conceito a respeito das poesias cristãs; assim como as composições gravadas comunicam as verdades bíblicas, as poesias também nos auxiliam na observação e conhecimento da palavra de Deus, pois certas poesias nos auxiliam a uma maior meditação para ler mais a respeito dos diversos assuntos, nos dão apetite na meditação da palavra de Deus principalmente quando estamos desmotivados á buscar mais conhecimento. As poesias cristãs podem de acordo com a bíblia formar opinião em vários assuntos da teologia bíblica, as poesias bíblicas têm características também apologéticas.

Os historiadores e biógrafos estão em concordância que Calvino experimentou escrever poesia, mesmo na reforma protestante no século XVI, já surgiu na reforma vários poetas, entre os reformadores. Calvino e Lutero foram os primeiros poetas cristãos que escreveram poesias evangélicas na comunicação das verdades cristãs não só nos hinos, mas também em poesias que também influenciaram na comunicação das doutrinas da reforma protestante do século XVI em diante. Através dos séculos na Europa até os dias de hoje. Como também os poetas pentecostais que surgiram no avivamento do século XX comunicaram as doutrinas pentecostais até os dias de hoje. Em todos os continentes sabemos no decorrer da história da igreja, em especial na reforma protestante e nos avivamentos a importância dos poetas cristãos em influencia os cristãos por meio das literaturas poéticas genuinamente bíblicas.

Se entendermos a importância dos hinos, também devemos valorizar as literaturas poéticas, comprar também livros de escritores poetas neste século também a muitos cristãos que estão ligados a poesia, e a poesia cristã esta liga aos hinos, hinos comunicam as verdades cristãs, as poesias também igual modo comunicam as verdades bíblicas, então se faz necessário lermos livros de poesias cristãs, pois aumentara a cultura cristã também existem poetas seculares, mas também poetas cristãos em nosso país. Embora pouco valor é dado a literatura poética cristã, mas existe poetas, acredito em um dia o conceito errado de quase não valorizar as poesias editadas, um dia no nosso Brasil entre os cristãos vai mudar a situação.

Este de certo modo, preconceito contra as poesias vai mudar, a nova geração vai absorver a literatura poética, pois o avivamento no século XXI vai mudar certos conceitos da pouca valorização da literatura poética, um dia vão acordar e compreender que o texto das poesias pode enriquecer sua cultura cristã, pois os hinos como a poesia são meios de ensinar também a palavra de Deus.

Anteriormente comentei a respeito das poesias que tenho escrito, quero voltar a dizer que as  poesias de nossa autoria não são em vão, assim como Lutero influenciou não só compositores, á tradição de hinologia evangélica, mas também os poetas, assim houve propósito em Calvino, Lutero de Deus de influenciar outros cristãos na comunicação por meio de poesias, assim também creio que o mesmo Senhor que agiu nos reformadores, que agiu nos poetas pentecostais. Deus tem um propósito. Todas as  poesias para a gloria de Deus. Amém!


      SELEÇÃO DE POESIAS DO ESCRITOR MAURICIO B.

                  N.1      Poesia "Somos defendidos pelo Senhor

                                     Autor:Mauricio Berwald

                                           Poesia cristã
.

1.O Senhor é a nossa defesa
Quando o inimigo está de prontidão,
pronto a nos atacar
O Senhor é castelo forte
Entra na batalha em prol dos seus filhos

2.Somos defendidos
O onipotente Senhor com seu poder
Por ele sempre somos defendidos
De muitos que nos atacam diariamente
Todos os dias constantemente

3.Somos defendidos pelo Senhor
Podemos prosseguir em nosso propósito
Continuando a trabalhar todos os dias na ceara
E vamos progredindo na presença do Senhor

4.Somos defendidos pelo Senhor
Pelo poder de Deus nós podemos resistir
Muitos laços e tentações que são elaborados
Pelo nosso adversário

.5.Somos defendidos pelo Senhor
As nossas forças são finitas
Nós mesmos não conseguimos 
nos defender de ataques
Das forças das trevas
Mas nosso Senhor Jesus Cristo
Tem forças infinitas 
Somos defendidos pelo Senhor

A força do homem nada faz

Com certeza sozinhos perderemos a batalha

Consequentemente seremos frustrados
Ficaremos prostrados desencorajados
Sem poder mais a agir

6.Somos defendidos pelo Senhor
Quando confiamos no poder do alto
Então as coisas mudam
Revestidos das forças do alto
Com ânimo e alegria divina
Temos a certeza de que não estamos sós
Existe a defesa celestial

7.Somos defendidos pelo Senhor
Ele é a nossa fortaleza
Podemos nos abrigar nesse esconderijo
Os nossos inimigos não nos alcançaram
Todos os dardos, flechas e espadas
 que lançarem contra 
nós não irá nos atingir

8.Somos defendidos pelo Senhor
Temos certeza e confiança
Nada irá nos assustar
Estamos cheios do poder do alto
A paz é abundante
Estamos em paz vendo
 que o Senhor nos defende
Da fúria do inimigo

9.Somos defendidos pelo Senhor
Satanás com seus ataques mui malignos
Quer nos fazer pensar que não temos ninguém
Para nos defender
Lembremo-nos que temos Cristo, 
Ele é a nossa defesa

10.Somos defendidos pelo Senhor
O Senhor está pronto a qualquer momento
De modo a nos defender
Seja qual for os ataques do inimigo
Mesmo que venha rápido como
 um trovão nos atacar
Mas antes dele nos atacar
O Senhor já está de prontidão


                N.2 Poesia"Vencendo tristezas e frustações"
                                   Autor :Mauricio Berwald             

Poesia cristã 

  Existem momentos em nossa vida                      

Que passamos por muitas tristezas

E muitas vezes não podemos

Dizer o que estamos passando

A determinadas pessoas

Porque algumas são capazes

De lançar mais espinhos 

Nos momentos de tristezas e frustrações

Até mesmo solidão

Como é difícil achar alguém

Que ofereça um ombro amigo

Amigos não são aqueles

Que nos atiram flores

Os amigos verdadeiros

São aqueles que nos ajudam

A tirar os espinhos

Existem momentos tão difíceis

De muita angústia e tristeza

Que nem mesmo conseguimos

Desabafar com um amigo

Então precisamos da ação divina

Muitas vezes aflição e angústia

Tendem nos levar ao extremo

Demodo que sentimos que estamos

Como um pingo d’água no meio do oceano 

O aperto se torna tão grande

Que vamos nos afogar no mar

Devido a forte tempestade

Pois não vemos mais

Alguém aparecer

Alguém para estender

A mão amiga com compaixão

A impressão nossa é que

Não vamos conseguir prosseguir

E que chegou ao fim

Parentes se afastarem

Até mesmo os amigos chegados

 Enfim, as cosias já não são

Como nos dias passados

Parece que vamos perecer no calabouço

Por motivo das circunstâncias

Que são adversas

O possível se torna impossível

O que estava claro

Agora parece estar tudo obscuro

A sua mente está cheia de confusão 

Turbulado está seu coração

A sua fé parece que acabou

As situações contrárias

Te causam indignação

Te dão impressão que estão atados

Os seus pés e mãos 

Mas saiba que o amigo dos amigos

O Seu nome é precioso Jesus Cristo

Toca em sua vida e em seu coração

O mal, a tribulação já apareceu

Ele veio te socorrer o teu ser

Agora tudo está claro

Você pode ver mais longe

Você pode saltar de alegria

Você pode agora prosseguir

As tristezas, angústias, a frustração

Já desapareceram, 

Ele lhe trouxe consolação 

Ele estendeu a sua mão

Você já está fortalecido

Pode agora prosseguir a longa jornada

Mesmo no deserto

Você está protegido

A presença Dele não vai te faltar

Te sustentando diariamente

Mesmo que o deserto seja grande
Podemos prosseguir
Pois a nuvem nos fará sombra de dia
Quando chegar a noite
A luz do Senhor
Nos iluminará nas noites da vida 

Se tiveres que passar
Pelo vale da sombra da morte
Sempre ao teu lado está o amigo fiel
Quando os amigos se tornam inimigos
Se tornando falsos
E eles se distanciam de você
E já não há um ombro amigo
Mas saiba que não é o fim

Se andas chorando
Tem dias que as noites são frias
As lágrimas descem do seu rosto 
A alegria não brilha em tua vida

Saiba que Jesus Cristo
É o fiel amigo
Que jamais vai nos decepcionar
O Senhor Jesus fala-nos a palavra exata
Ele nos toca com Sua mão
O Seu olhar é penetrante 
O Seu olhar penetra em nosso coração
A Sua companhia é cheia de consolo
No vale terrível

O amigo Jesus está ao lado
Agora você pode entender
Ele é um amigo mais chegado que um irmão 




N.3"Eles não se prostaram

                            Autor:Mauricio Berwald                              

1.Fizeram uma estátua
De rei Nabucodonosor
Todos reuniram-se para adorar
Pregaram que todos deviam se prostrar
Diante da estátua de ouro
Quem não obedecesse
Certamente morreria
Seria lançado na mesma hora
Na fornalha de fogo ardente

2.Todos então se prostraram
E a adoraram
Mas ouve uma grande surpresa
O rei repensou que todos
Tinham se prostrado diante da imagem
Ouve uma grande surpresa para o rei
A notícia chegou ao rei
Que três jovens de coragem
Não se prostrou
E nem mesmo ligou para o decreto

3.O rei muito furioso
Tentou novamente que eles se prostrassem
Mas eles se mantiveram muito firmes

E não se prostraram
Foi um grande desafio
Para o maior líder
Naquele período histórico
Quando a música tocou
Eles continuaram em pé
Sadraque, Mesaque e Abedinego
Eles recusaram-se a adorar a imagem
Pois creram que o Senhor
Os livraria da situação
E não prestaram ao rei nenhuma adoração

4.O rei Nabucodonosor ficou frustrado
Por eles terem desobedecido a sua ordem
O rei não os conseguiram convencer
Que deveriam adorá-lo
Os três continuaram fiel
Mesmo sabendo que seriam
Lançado dentro da fornalha de fogo
Que era impossível alguém
Sobreviver após serem lançados
Com certeza o rei ficou perplexo
Com tamanha coragem
Os três tiveram de se negar,
Desobedecer as ordens do rei
Muitos admiraram
Os três que firmemente
Não prestaram adoração
Muitos acharam que havia chegado
O fim dos três

5.O rei achou que daria fim
Aos três e ficaria por isto mesmo
Amarraram eles
Muitas pessoas estavam vendo a coragem deles
Mas eles tranquilos
Tinham com eles que o Senhor Soberano os livrariam

6.Então lançaram-nos os três
Algo surpreendente e sobrenatural
Estava acontecendo
Todos viram os três vivos
Eles rapidamente  foram
Avisar Nabucodonosor
Então o rei olhou
E muito se maravilhou
Viu que os três estavam vivos
Viu que os três estão vivos
E ainda andavam no meio do fogo


7.Que nada aconteceu com eles
Ainda viu quatro homens
Que andavam passeando
No meio do fogo
Sem sofrer dano algum
Reconheceu o Soberano Senhor
Eles saíram do fogo ilesos

8.Somente o todo poderoso
Pode fazer coisas
Que estão além de nossos alcance
Os homens viram
Que há um Deus soberano
Que está acima de todos os deuses
Que existiam na Babilônia
A supremacia divino
Permanece pelos séculos dos séculos
Somente há um digno de adoração
É o Deus de Jacó, Isaque e Abraão
Poderosas são as maravilhas
Do único e soberano
Ele é o possante de Jacó

9.Nenhum presidente
Que qualquer parte do mundo
Por mais que se considere superior
Ou até mesmo seja de país muito rico
Há um superior a eles
O que governa o universo
Lembre-mo-nos que o Senhor

10.É o maior e soberano
Ele é o soberano
Está sobre todos os presidentes
Ele está acima de todos os governos
Está contemplando
As nações que são orgulhosas
Deus abateu o orgulho de Nabucodonosor
Saiba que o soberano
Pode fazer neste século presente
Para mostrar que a um sobre todos

11.Ele se chama rei dos reis
Senhor dos senhores
Que um dia todos os reis
Todos os presidentes
Terão que um dia dar conta
De todas as suas obras
Terão que se prostrar
Reconhecer a sabedoria divina
Ninguém é superior ao Senhor
Seja dada honra, glória todos os dias


O rei Nabucodonosor reconheceu que Deus é o Altíssimo 


                                               
N.4"O socorro Divino
Autor:Mauricio Berwald

Elevo os meus olhos para os montes
Davi não olhou simplesmente
A paisagem dos montes
Mas sim tendo em mente
Que Deus habita nas alturas
Mais alto do que os montes
Ao afirmar “Elevo os meus olhos para os montes”
O salmista não olhava ao natural
Embora vendo os montes
Mas aqui nesta circunstância
Olhou para as alturas com os olhos espirituais
Com a convicção que o Senhor estava no trono
Ele elevado mais que os montes
Acima das nuvens, aos olhos da fé

O salmista não contemplou
Somente o natural
Mas pela fé creu no sobrenatural
Ou seja estava com a convicção
Que Deus estava nas alturas dos céus
Embora contemplando o natural das montanhas
Mas com os olhos da fé crendo que Senhor
Está num alto e sublime trono
O profeta Isaías teve esta visão maravilhosa
Podemos afirmar que o salmista
Ao elevar seus olhos ao céu
Teve em mente pela fé
Que o Senhor está em um sublime trono
Este trono cheio de glória

Embora o salmista não viu como Davi
Mas pela fé creu m algo parecido
Como a visão do profeta Isaías
O salmista não olhou somente naturalmente
Mas também com os olhos espirituais
Mediante a fé no soberano Senhor dos exércitos
Que reina sobre todas as coisas
Nós também temos que Ter esta convicção
Que quando olhamos nos montes
Muito acima dos montes
Está a habitação do Senhor
O Todo  Poderoso
O céu é a habitação do Senhor
A mais elevada região
É habitada pelas divindade
O apóstolo Paulo diz:
“Ele mesmo que subiu, acima de todos os céus”
O céu é o lugar onde se manifesta
A presença do Senhor
Firmemente podemos crer
Que ao olharmos para o céu
Levantamos nossos olhos
Acima dos montes
Que o Senhor está presente
Sobre o céu dos céus
Ele habita em lugar muito alto
Cremos pela fé

O salmista creu em algo
Muito além, muito tremendo
Que estava além do natural
Ou seja além do olhar natural
Creu que o Senhor
Habitando em um lugar
Que só poderia ser contemplado
Com os olhos espirituais
E não simplesmente  com o natural
Creu que o Senhor é cheio de glória
Sentado em seu trono
Assim também devemos crer
O profeta Isaías teve a visão
Ele viu o Senhor assentado
Sobre um alto e sublime trono
O Seu séquito enchia o trono
E os anjos clamavam
Santo, Santo, Santo
É o Senhor dos exércitos
Toda terra está cheia  da sua glória

O salmista tinha
Olhos como de águia
Embora não “O” viu como Isaías
Mas contemplando pessoalmente
Pela fé no Soberano
Nós não vimos Jesus pessoalmente
 Mas com olhos de águia pela fé
Cremos conforme registro
Da visão do apóstolo João
Na ilha de Patmos
Não devemos depositar
A nossa confiança
Somente nos homens
A nossa confiança
Deve estar plenamente em Deus


                              N.5  O Nosso Socorro parte 2.                            
    Autor :Mauricio Berwald 

1.A origem de nosso socorro
Vem do céu onde o Senhor está
Ele ´o nosso ajudador divino
Nas horas de perigo
O Senhor está conosco
Para nos livrar de perigo
“Não importa quão profundas sejam as águas de aflição
ou de atenção pelas quais somos afligidos
não importa quantos sejam os dilúvios de problemas
ou de homens ímpios que parecem dispostos à abater-nos
perseveramos em oração” ( Texto Calvino )

2.Através das dificuldades da vida
 Nos problemas externos e mais profundos
Percebemos que temos um ajudador
Deus disse a Moisés: “E tu levanta
A tua vara, estende a mão
Sobre o mar e divida-o
Para que os filhos de Israel
Passem pelo meio do mar em seco”

3.As dificuldades como o povo de Israel
 É um exemplo de uma situação crítica
Que o povo de Israel se encontrava
O exército  de Faraó
Está cada vz mais perto
Não havia uma saída
Para eles fugirem
E nem condições para eles
Guerrearem contra os exércitos de Faraó
O mar é o estava diante de Israel

4.Mas foi nesta situação
Totalmente desfavorável
É que veio a ajuda divina
O mar se abriu
E o povo de Israel passou tranquilamente
Mas os egípcios pereceram todos no mar
Pois manifestou-se a ajuda divina
Foi uma situação deplorável
Mas o Senhor os socorreu
São várias situações
Difíceis que passamos

5.Então clamamos ao Senhor
Para nos socorrer
Sempre em momentos assim
O Senhor nos ajuda a vencer
E ser triunfantes
Em momentos críticos
Vemos o Senhor também nos socorrer
Há momentos que ficamos desanimados
Então toda situação é mudada
O mar se abre diante de nós
Mesmo estando fechado
Então atravessamos seguros
Igual ao povo de Israel
O milagre divino
E manifesto em nossas vidas

6.Ao ser manifesto o milagre
Nós de coração engrandecemos ao Senhor
Por nos ajudar a sair
De uma triste situação
Nós temos o apoio do Senhor
Temos a presença divina diariamente
Em nossa vida
Está presença divina
É um consolo para os fiéis
Na peregrinação da nossa vida
O Senhor está conosco
Ele nos guarda por onde quer que formos
Ele não nos deixa desamparados
Ele cumpre sua palavra

7.A presença do divino ajudador
Nos outorga descanso
Na presença de Cristo somos vitoriosos
Ele sempre vem nos socorrer
Nos dá coragem para as batalhas
No divino ajudador há refúgio
Nele estamos protegidos
Devemos Ter todo o nosso socorro
Em Deus esperar
O Seu tempo e a Seu modo
O Senhor permanece ativo e vigilante
Ele está sempre próximo do Seu povo  
Não temos motivo algum para desacreditar
Que o Senhor não vai nos socorrer
A nossa fé deve continuar de modo inabalável
Em sua misericórdia

8.O Senhor tem vários modos de socorrer-nos
Os meios que existem estabelecidos pelo Senhor
Servem para magnificá-lo
Para manifestação do Seu poder
São várias as tempestades que surgem na jornada da vida
Existem momentos que ficamos assustados com terrores
E nos dá impressão que não vamos experimentar
Qualquer vestígio do seu auxílio
Mas o Senhor não falha, Ele não é limitado
Não é menor que a tempestade, ele é nosso peitoral
É um escudo para nos defender
Mesmo expostos a muitos perigos

Que sobrevem a humanidade podemos corajosamente suportar
As diversas calamidades dessa própria vida
O socorro não atrasa, o socorro não chega adiantado
Mas o socorro vem sempre na hora certa
Em reposta de nosso clamor
O socorro do Senhor nunca falhará
O socorro do Senhor é perfeito
Não existe falha neste socorro
Ele nunca vem tarde  



 obs:todas as poesias estão registradas.



N.6"Restauração dos muros


Autor:Mauricio Berwald


1.Neemias filho de Hacabias
Copeiro do rei da Pérsia
Pela providência divina
Ele foi agradecido pelo rei
Que lhe concedeu cartas de recomendação
Aos representantes persas
Na Palestina, além disso foi nomeado governador
Da Judéia para onde foi no século cinco antes de Cristo
Começando logo a reparação dos muros de Jerusalém
Apesar das ameaças ao redor  
Dera informação da situação
Reinante em Jerusalém

2.Foi o próprio irmão de Nemias que deu a notícia
Que é situação está em condição deplorável
Muros estavam fendidos as portas estavam queimadas a fogo
Nemias  sabendo da triste situação
Ele angustiado orou e jejuou perante o Senhor  
Deus ouviu a oração e em questão de poucos meses
Veio a resposta a ele
Certo dia Nemias apresentou-se diante do rei
Com seu semblante triste
E falou ao rei a situação terrível que se encontrava Jerusalém  
Então após Nemias dizer sobre a triste situação

3.Recebeu ordens para reconstruir a cidade de Jerusalém
O rei Artaxerxes  para dar o que fosse necessário
Para a reconstrução
Tudo isso aconteceu segundo a boa mão do Senhor
A mão do Senhor esteve favorável
Então após chegar em Jerusalém
Viu toda a situação, tudo estava destruído
Todos os muros estavam abaixo
Então ele animado disse:
“Levantemo-nos  e edifiquemos e esforcem a mão para o bem” 
Nemias não estava sozinho
Havia vários grupos lhe ajudando
O coração do povo se inclinou  a trabalhar
E rapidamente as roturas começaram a ser tapadas

4.Cada qual na sua função
Eles estavam alegres e dispostos
Reconstruindo seu próprio país
Eles estavam bem organizados iniciada a edificação
Dentro de pouco tempo apareceram inimigos opositores
Indignaram-se grandemente com sua astúcia

5.Eles planejaram parar a obra
Nemias juntamente com o povo
Auxiliados pelo Senhor eles triunfaram
Sobre todo  tipo de obstáculos 
Os opositores desta construção
Não conseguiram fazer Nemias
E também o povo parar a obra da construção
A cidade estava ressurgindo das cinzas
Juntamente a nacionalidade judaica
Os inimigos acharam que conseguiriam
Prevalecer sobre o povo, que iria fazer parar
Mas Nemias disse que não pararia diante desta tão grande responsabilidade  

6.Diante desta tão grande obra
Mesmo havendo aparecido os mensageiros com palavras
Para que o fizesse desanimar mas não o atingiu
Ele disse que não vai cessar
Antes vai continuar a obra de edificação dos muros
Nemias e o povo estavam animados e despertados
Nemias tinha certeza que o Senhor é quem o enviou
Que ele não estava sozinho
Deus e o povo estava com ele  
Nemias estava com a certeza
Que nada ficaria pela metade

7.Então o muro foi concluído e teve uma repercussão
Os inimigos tiveram que ver que o Senhor os ajudou
Em todos os instantes
Todos foram convocados,
Todos os levitas com o propósito de dedicar os muros
Com alegria, louvores, com cantos, 
saltério, com alaúdes e com harpas
Ofereceram sacrifícios em ações de graça
Perante o templo do Senhor

8.A alegria deles foi grande de longe ouvia-se a alegria
De todos os judeus  
A sua nacionalidade ressuscitou
Tudo isso aconteceu pelo milagre e misericórdia
Ciro foi escolhido para libertar o povo que estava  cativo
No império Babilônico
Para os judeus em Babilônia
A vitória de Ciro significa chegada a libertação do cativeiro
Que notícia gloriosa foi a todos os judeus
Quando Ciro ordenou autorização para que eles voltassem a Jerusalém
E assim todos os utensílios do templo foi devolvido
E assim Ciro agiu humanamente

9.Com o povo judeu  
E terminou os setenta anos de cativeiro do povo judeu
O Senhor encaminhou tudo perfeitamente
De modo que após serem libertos
Jerusalém foi reconstruída na liderança de Nemias
O propósito do Senhor
Não ficou frustrado, a profecia se cumpriu
Os setenta anos se cumpriu  e então foram libertos
Jerusalém ficou restaurada eles pudera habitar em casas
Plantar suas vinhas
Ao saírem de Babilônia este acontecimento foi um êxodo
Eles não se extinguiram mesmo nas cinzas
A sua nacionalidade não acabou  
Ao observarmos a história de Israel em Babilônia
Percebemos que somente  um milagre divino
Fez com que este povo continuasse a existir
As circunstancias nos anos de cativeiro
Eram completamente desfavorável

10.A sua nacionalidade não desapareceu no nada
Eles ressurgiram de modo que com mais brilho e força
Em seu interior a estrela mais uma vez brilhou com fulgor
Para nunca mais apagar
Israel é hoje como uma estrela que brilha como a força do sol
A sua luz é radiante e percebida em todas as nações
Do mundo inteiro
O Messias breve virá a luz será muito mais forte
A sua glória Jerusalém será maior que todos os séculos
No Messias seu resplendor aumentará muitas vezes
Em todo o  mundo  




                                 N.7   A Bíblia                                  
Autor:Mauricio Berwald

1.Deus onisciente e misericordioso
Desejamos meditar na bíblia
Precisamos compreender
A Tua palavra é luz para nosso caminho
Nos ilumine nos momentos de leitura e meditação
Nos ajude a encontrar o sentido do texto
A Tua palavra nos dá coragem
Nos enche de esperança

2.A Tua palavra é alimento espiritual
A Tua palavra é inspirada
Fornece luz nas trevas
Para a salvação da humanidade
A Tua palavra é amada pelos Teus filhos 
Poderosa em tua influência
É uma chama devoradora
Um martelo que esmiuça penha
Transmite vida é arma de defesa
É uma benção para os que reverencia
Ela mostra a divindade de Jesus
Dá esperança ao homem
3.A Bíblia é Sagrada devemos estudá-la
A Bíblia é digna de confiança
Útil para nos instruir
A bíblia é pura como água, o seu poder é ilimitado
É sempre perfeita, não há nela falha alguma
Contem a verdade divina
É dever nosso obedecer a palavra do Senhor
Devemos Ter zelo em estudá-la
E nunca os seus princípios devemos deixar
Nunca devemos deixar de observá-la
Estar atento em ouvir as Sagradas Escrituras  

N.8" Existe uma saida
Autor:Mauricio Berwald 

1.Existem certas situações que não desejamos
Que venham acontecer conosco
Mas algumas vezes elas acabam acontecendo contra nossa vontade
E não sabemos as vezes porque aconteceram de maneira surpreendente
Como um temporal que sucede dentro de poucos minutos

2.Formam-se as enchentes e afeta quase tudo
Que estiver a sua frente de modo rápido
Causando danos as vezes irreparáveis
Em situações que nos sucedem como um temporal
Nós nos sentimos enfraquecidos
Não encontramos uma saída
Não conseguimos ver uma saída
As portas se tornam de bronze e os ferrolhos de ferro

3.Em uma situação assim conseguir enxergar uma saída

Se torna impossível diante de nós
Nem mesmo nós conseguimos escalar as montanhas
A esperança parece que evaporou rapidamente
Mas saiba que há uma saída para a situação
Saiba que haverá uma intervenção do Senhor
Nessa circunstância que enfrentas

4.Você se encontra desgostoso
Amargurado, aflito
A tristeza te domina facilmente
Quem sabe você tem sido afligido com muito tempo pelo desânimo
Muitos dias tem se lamentado suas lágrimas jorram como cachoeira
As lágrimas molham o teu rosto
Quase todos os dias seu coração está como se estivesse sido abalado 
Enfraquecido está por causa da prolongada espera de uma saída

5.Mas por mais cansado que você esteja
Sem Ter uma perspectiva boa  do amanhã que está para vir
Haverá uma saída, o livramento do Senhor sucederá em sua vida
O Senhor tem uma saída
Não é em vão recorrer ao Senhor em oração

O inimigo tem se mobilizado com o propósito
De provocar em você o desespero
A te levar a um descontrole
Para te fazer perder a confiança no Senhor
O inimigo faz barulho como que de trovão
Vem com grandes ondas do mar
Seja qual for a oposição
Quando parece que não existe nenhum saída
Então o Senhor nos dá o livramento

6.Aparece uma saída então somos livres
Pois o poder de Deus operou a nosso favor
No momento exato o Senhor muda
A condição caótica, deplorável, obscura desaparecem
O Senhor tem uma saída para vários momentos  e circunstâncias
De modo que Ele é glorificado
E agradecidos ficamos alegres
Agradecidos glorificamos com júbilos de alegria
Por ver quão maravilhosa a maneira e modo que apareceu a saída


              N.9 Não somos derrotados 
              Poesia;autor Mauricio Berwald  
                      
1.Não somos derrotados, 
nós enfrentamos muitas batalhas
Os inimigos nos ataca com suas armas destruidoras
De várias maneiras sempre com o objetivo maligno
Cujo propósito é querer no fazer extinguir
Com seus dardos inflamados

2.O inimigo sempre quer semear 
destruição contra nossas vidas
Ele usa suas armas espirituais de ataque
São as mais variadas possíveis
Seus planos são audaciosos, maquiavélicos
Tem sua própria estratégia

3.O campo de batalha espiritual não se limita
Em alguma área terrena, 
mas abrande todo e qualquer lugar
Onde estiver o crente fiel então passa a ser 
um campo de batalha
Os ímpios muitas vezes utilizados 
pelo maligno tornam-se inimigos
Existem ímpios que são citados por Satanás
Então a razão da perseguição 
contra nós de várias maneiras
Os ímpios com sobressaltos secretos

4.Mesmo quando não haja nenhuma
 causa para a sua existência
Os inimigos muitas vezes se acham tão seguros
Livres de todos os males
Mas de repente todos eles serão 
abatidos pelo Senhor

5.O Senhor está conosco nesta 
batalha espiritual contra o inimigo
Não é contra o nosso próximo
Ou seja, não é simplesmente humana
Mas é espiritual
E contra o inimigo das nossas almas

Para nós está disponível as armas da luz
Cujas armas não ferem o ser humano
Estás armas são para a defesa e o ataque
Contra as potestades que são espirituais

6.Todos os planos do maligno
Que são projetados contra o cristão fiel

O Senhor os destrói uma por uma  

Nós não estamos sós nesta batalha
Não somos derrotados

Pode até acontecer que os espinhos e dardos
Ferem os nosso pés e a força
 e o ânimo diminuem
Mas somos curados dos ferimentos
Que a batalha causou aos soldados
O Senhor está disposto a defender os fiéis em suas próprias mãos

7.No campo de batalha o inimigo não vai prevalecer
Do céu enviará os trovões e os relâmpagos sobre eles
Que nos odeiam e surgem contra nós

Sejamos pacientes, suportando com paciência
Quando pois estivermos cercados de todos os lados
Por muitos combates
Temos que olhar para o Senhor 
e sentiremos alívio a certeza
Que venceremos a batalha diária

8.Os inimigos andam ao teu redor
Te cercando e ameaçando
Os inimigos se encontram furiosos
Planejam destruir-te para te paralisar
Dos céus o Senhor levanta 
suas mãos para te livrar

Mesmo que não haja nenhum escape
Mas a mão divina nos alcança
Nos provendo uma saída
Ele é nosso defensor e socorro
A mão do Senhor é suficiente
A mão do Senhor é poderosa
Para repelir todos os perigos e calamidades

9.O Senhor é nossa força
Fonte de esperança jamais falhará
Mesmo quando os severos vierem
Com o propósito de intentar
De modo a abalar a tua fé
O Senhor não falhará
Ele é general neste combate

Ele é sempre campeão
Nunca perdeu uma guerra
Nunca foi derrotado por ninguém
Prossigamos a frente
10.Mesmo que a batalha seja extensa pelo deserto
Mesmo que haja grandes montanhas
Vamos escalar não importando
 a altura das montanhas

Não importa o tamanho das dificuldades
Nem mesmo o extenso deserto
Nós não estamos sozinhos
Não nos faltará o rio de águas vivas
Para saciar nossa sede
Não os faltará o pão
11.Não desfaleceremos nem mesmo de fome ou sede

O Senhor tem provido a água e o pão
 Para nos manter com vigor
Para a longa batalha espiritual
Estando em comunhão com o Senhor
Sempre teremos provisão
Refiro-me espiritualmente
Para nos manter firmes 
nos combates espirituais

12.O Senhor nos tem concedido força, poder graça
As armas da luz nos servem de auxílio
De modo que podemos usá-las
Assim podemos adquirir a resistência
 contra o inimigo
E não desistiremos tão facilmente
O Senhor pode mudar todo o percurso
Manifestando um milagre em sua vida

Ele nos capacita no campo de batalha
Através do poder da palavra

13.Ainda que um exército 
te cercasse vindo contra nós
O Senhor permanece infalível 
com sua proteção divina
Ainda que todos os homens planejam destruir-te
Não devemos assustar, 
eles não conseguirão nos atingir

O poder de Deus está sobre os fiéis
O poder de Deus é maior de que todos os homens
Não seremos derrotados
Tudo podemos no Senhor que nos fortalece
O braço do Senhor não está encolhido
Seu poder não está em decadência
Ele é o mesmo ontem, hoje e para sempre


                            N.10 noa somos defendidos pelo Senhor                                   Autor;Mauricio Berwald                

       
1.O Senhor é a nossa defesa
Quando o inimigo está de prontidão, pronto a nos atacar
O Senhor é castelo forte
Entra na batalha em prol dos seus filhos

Somos defendidos
O onipotente Senhor com seu poder
Por ele sempre somos defendidos
De muitos que nos atacam diariamente
Todos os dias constantemente

2.Somos defendidos pelo Senhor
Podemos prosseguir em nosso propósito
Continuando a trabalhar todos os dias na ceara
E vamos progredindo na presença do Senhor

Somos defendidos pelo Senhor
Pelo poder de Deus nós podemos resistir
Muitos laços e tentações que são elaborados
Pelo nosso adversário

3.Somos defendidos pelo Senhor
As nossas forças são finitas
Nós mesmos não conseguimos nos defender de ataques
Das forças das trevas
Mas nosso Senhor Jesus Cristo
Tem forças infinitas

4.Somos defendidos pelo Senhor

A força do homem nada faz
Com certeza sozinhos perderemos a batalha
Consequentemente seremos frustrados
Ficaremos prostrados desencorajados
Sem poder mais a agir

Somos defendidos pelo Senhor
Quando confiamos no poder do alto
Então as coisas mudam
Revestidos das forças do alto
Com ânimo e alegria divina
Temos a certeza de que não estamos sós
Existe a defesa celestial

5.Somos defendidos pelo Senhor
Ele é a nossa fortaleza
Podemos nos abrigar nesse esconderijo
Os nossos inimigos não nos alcançaram
Todos os dardos, flechas e espadas que lançarem contra nós
Não irá nos atingir

Somos defendidos pelo Senhor
Temos certeza e confiança
Nada irá nos assustar
Estamos cheios do poder do alto
A paz é abundante
Estamos em paz vendo que o Senhor nos defende
Da fúria do inimigo

6.Somos defendidos pelo Senhor
Satanás com seus ataques mui malignos
Quer nos fazer pensar que não temos ninguém
Para nos defender
Lembremo-nos que temos Cristo, Ele é a nossa defesa

Somos defendidos pelo Senhor
O Senhor está pronto a qualquer momento
De modo a nos defender
Seja qual for os ataques do inimigo
Mesmo que venha rápido como um trovão nos atacar
Mas antes dele nos atacar
O Senhor já está de prontidão